Sobre o Blog e Contato

Paisagismo e Jardinagem

Preá

Raramente consigo vê-los. Aparecem à noite saltitantes e dando uns gritinhos curtos e agudos e como a pelagem é amarronzada e escura, dificilmente são percebidos no meio do meu jardim.

São roedores parecidos com os porquinhos-das-índias, com orelhas pequenas, patas curtas e sem rabo aparente. Como gostam de nadar, fazem os ninhos à beira do lago, perto das bromélias, não incomodando e alimentando-se de folhas e tubérculos.

Aprendi com os caboclos que no Nordeste são muito apreciados na culinária e que o sabor da carne é parecido com a do coelho. Lá, no sertão, são criados em gaiolas e preparados como verdadeiras iguarias. Não tenho coragem de experimentar, prefiro que eles vivam suas vidas e eu a minha.

 

Comente ou pergunte

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aviso! Está a tentar enviar uma imagem inválida. A imagem não vai aparecer com o seu comentário.

2 Comments

  1. Olá Raul,

    Quando um prea aparece no seu jardim e começa a cavucar o jardim, o que fazer?
    ele está destruindo alguns canteiros e especies como a renda portuguesa. alguma informação que me ajude?

    • Olá Gislene,

      O repelente eletrônico de ultrassom pode ser eficiente para espantar o preá. Esses dispositivos emitem um som de alta frequência imperceptível a humanos, gatos, cachorros e outros animais domésticos, mas que incomoda bastante esses roedores, fazendo-os abandonar o local.

      Abraços