Sobre o Blog e Contato

Paisagismo e Jardinagem

Begonia cucullata

Begônia-cerosa, flor-de-nácar, azedinha-do-brejo

Esta begônia é muito indicada para ser utilizada como forração em canteiros e também para ser cultivada em vasos,  terraços e varandas, neste último caso, deve-se usar substratos porosos, férteis e ácidos, com pH de 5,5 a 6,5. O nome foi em homenagem ao francês Michel Bégon (1638-1710), intendente da marinha no porto de Rochefort e de La Rochelle e a denominação “cucullata” quer dizer “semelhante a um gorro” ou “encapuzado”. Suas folhas são suculentas, com um matiz verde pálido, quase marrom a marrom avermelhado, desenvolvendo bem em locais úmidos e quentes, especialmente em beira de rios.

A espécie deu origem a vários híbridos, com cores que vão do branco ao rosa e vermelho, em várias tonalidades, com florescimento farto e denso quase o ano todo, tornando-a uma das plantas mais cultivadas nos jardins.

Sua capacidade alimentícia é alta, sendo uma PANC perfeita. Tanto as folhas, ramos, flores e frutos, crus ou cozidos, podem ser saboreados. As folhas tem um gosto azedinho e podem ser utilizadas na preparação de refogados, saladas e sucos. As flores também são comestíveis e podem ser agregadas a saladas e outros pratos, assim como para produção de geleias.

  • Sinônimos estrangeiros: Wax begonia, clubed begonia, (em inglês); begonietta, (em italiano); bégonia, bégonia annuel, bégonia des jardins, bégonia d’intérieur, (em francês);  begonia de cera, begonia vírgen, flor de nácar, (em espanhol); begonie, eisbegonie, eisblume, gottesauge, beetbegonie, (em alemão).
  • Família: Begoniaceae.
  • Características: planta herbácea.
  • Porte: 15 a 25 cm.
  • Fenologia: Ano todo.
  • Cor da flor: róseas, brancas ou vermelhas.
  • Cor da folhagem: verde médio.
  • Origem: Bolívia, Argentina, Paraguai, Uruguai e Brasil, nas regiões Sudeste, Centro-Oeste e Sul.
  • Clima: subtropical/temperado.
  • Luminosidade: pleno sol ou meia sombra.

Comente ou pergunte

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aviso! Está a tentar enviar uma imagem inválida. A imagem não vai aparecer com o seu comentário.