Sobre o Blog e Contato

Paisagismo e Jardinagem

Campomanesia phaea

cambuci, ubucabuci,  camocim, camuci, camoti

Seu potencial paisagístico é grande, com a copa cheia, em formato de guarda-chuva e o tronco descamante, cresce moderadamente e é resistente a geadas, vegetando normalmente em qualquer altitude. Prefere solos profundos, úmidos e ácidos, de formação arenosa e com boa fertilidade. O cambuci começa frutificar  a partir do quarto ou quinto ano, precisando de regas diárias no primeiro e segundo ano. Os frutos, com formato de disquinhos voadores, são ricos em vitamina C, combatem os radicais livres e ajuda a combater o envelhecimento e ainda, tem a função de fortalecer o nosso sistema imunológico; podem ser consumida in-natura apesar de serem um pouco ácidos. A melhor maneira de aproveitá-los é na fabricação de geleias, sucos, batidas, licores e sorvetes, estes considerados o melhores entre as frutas existentes. Antigamente, comum na cidade de São Paulo, emprestou seu nome a um de seus bairros tradicionais.

Os principais propagadores do fruto, são as pacas, os cachorros do mato, as antas e os veados. Quando comem seus frutos espalham as sementes pelos locais por onde andam. Um cambuci adulto chega a produzir 200 kg de frutos por ano.

Dele se fazem vários subprodutos e os moradores de Paranapiacaba, em São Paulo, aproveitam o fruto do cambuci para fazer mousses, bolos, além do tradicional suco. Também fazem a cachaça-com-cambuci, uma aguardente perfumada com a fruta.

  • Sinônimos estrangeiros: cambuci (em inglês); cambuci, (em espanhol).
  • Família: Myrtaceae.
  • Características: Árvore semidecídua com copa alongada e ereta.
  • Porte: 3 a 5 metros.
  • Fenologia: Floração agosto a novembro. Frutificação janeiro a março.
  • Cor da flor: Branca.
  • Cor do fruto: Verde.
  • Cor da folhagem: Verde escuro.
  • Origem: Brasil: São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais.
  • Clima: Subtropical/tropical.
  • Luminosidade: Sol pleno.

Comente ou pergunte

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aviso! Está a tentar enviar uma imagem inválida. A imagem não vai aparecer com o seu comentário.

6 Comments

  1. A árvore de cambuci será adaptável ao clima dos Açores (Portugal) mais ou menos temperado marítimo a subtropical? Se sim, como adquirir dois exemplares dessa árvore?

    • Maria,

      Sim, ela pode desenvolver bem nos Açores. O Marcos Bernardi, da Bioverde, aqui no Brasil, produz. Segue o link para contatos: http://www.bioverde.com.br/

      Abraços

  2. Existe alguma fruta parecida com o cambuci??Aqui na minha rua tem uma árvore carregada com frutos semelhantes a esses da foto.Como faço pra descobrir se é o verdadeiro?

    • Jairo,

      Não conheço outra espécie com frutos parecidos com o do cambuci. Talvez seja a própria. Você pode nos enviar uma foto onde apareça o fruto e as folhas dela?

      Abraços

  3. Boa noite, Raul:::
    Será que o cambuci também foi nativo da minha região?…

    Moro no nordeste do estado de SP, na cidade de Guaíra, divisa com Minas Gerais.

    Te agradeço desde já.

    Abraços!!!

    • Bom dia Sandra,

      Um prazer receber uma consulta sua! O cambuci é nativo da floresta atlântica de maior altitude do Rio de Janeiro, Minas Gerais e de São Paulo, portanto cresce naturalmente na sua região.

      Abraços