Sobre o Blog e Contato

Paisagismo e Jardinagem

Catharanthus roseus

vinca, vinca-de-gato, vinca-de-madagascar, boa-noite, maria-sem-vergonha, bom-dia

Catharanthus roseus

Madagascar, apesar de ser uma jovem nação (conquistou sua independência em 1960), tem na cultura malgaxe, uma tradição de quinze séculos e, graças à sua extraordinária biodiversidade possui conhecimentos tradicionais de suas plantas.

A pervenche, como é chamada na ilha, foi usada pelos nativos para atenuar a fome e a fadiga; mais tarde, descobriram seus efeitos no controle da diabete e da hipertensão. Atualmente a indústria farmacêutica pesquisa princípios ativos, desta herbácea, para o combate ao câncer de pulmão e à leucemia.

Alastra-se com facilidade cobrindo grandes áreas, tanto em solos arenosos do litoral, como altitudes de até 1600 m.

  • Sinônimos estrangeiros: madagascar periwinkle, cape periwinkle, rose periwinkle, old-maid (em inglês); catarantus, pervinca, vinca rosa, dominica, siempreviva malgache (em espanhol); pervenche rose (em francês).
  • Família: Apocynaceae.
  • Características: planta herbácea semi-arbustiva.
  • Porte: 40 cm.
  • Fenologia: o ano todo, em locais quentes e da primavera ao outono, em regiões mais frias.
  • Cor da flor: de branca a rosa-escuro, com o centro vermelho-escuro.
  • Cor da folhagem: verde-escura.
  • Origem: endêmica de Madagascar.
  • Clima: tropical e subtropical (algumas variedades mais resistentes ao frio podem crescer em clima temperado).
  • Luminosidade: sol pleno.

Comente ou pergunte

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aviso! Está a tentar enviar uma imagem inválida. A imagem não vai aparecer com o seu comentário.

2 Comments

  1. É primordial para alguém que tem a intenção de trabalhar com paisagismo tem uma página como esta para poder estar sempre a agregar conhecimento.
    Obrigada, sempre, Raul Cânovas !

    • Obrigado Eliane, espere por muito mais nas próximas semanas. Mais de uma postagem por dia e muitas plantas no “Catálogo de Espécies”. Abraços.