Sobre o Blog e Contato

Paisagismo e Jardinagem

Juniperus chinensis “Torulosa”

kaizuka

Foto de Daderot, CC0, via Wikimedia Commons

A Kaizuka é uma conífera com formato colunar e silhueta escultural, crescendo estritamente na vertical, formando uma coluna delgada que chama a atenção pela peculiaridade de seus ramos compactos e espiralados, proporcionando uma massa densa. Ele é encantador é muito empregado em jardins de estilo oriental. Nunca deve ser podado, podendo ser plantado em um local onde o sol o ilumine totalmente. Seu crescimento é lento e se adapta bem em grandes vasos, sendo utilizado também como bonsai.

O nome Kaizuka podemos traduzir como “amontoado de conchas”.

Foto de KENPEI, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons

No paisagismo é vista como uma alegoria de status e é plantada como um símbolo de pompa e riqueza. Uma pena, já que a planta não é responsável por qualquer exibicionismo.

Deve ser cultivado a pleno sol em solos ricos e drenados, enriquecidos com matéria orgânica. A kaizuka tolera à salinidade das regiões litorâneas, assim como períodos de estiagem.

A reprodução pode ser feita por estacas na primavera.

  • Sinônimos estrangeiros: torulosa chinese juniper, Hollywood juniper, (em inglês); genévrier de Chine, (em francês); ginepro cine se, (em italiano); chinesische wacholder, (em alemão); sabina de China, sabina de jardín, enebro, (em espanhol).
  • Família: Cupressaceae.
  • Características: conífera.
  • Porte: 3,50 a 6,00 metros de altura.
  • Fenologia:  –
  • Cor da flor: não floresce, mas os cones são grandes e marrons, os femininos são azuis, carnudos com aparência de baga.
  • Cor da folhagem: verde escuro.
  • Origem: China, Japão, Mongólia e Himalaia.
  • Clima: Temperado/Subtropical serrano .
  • Luminosidade: pleno sol.

Comente ou pergunte

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Secured By miniOrange