Sobre o Blog e Contato

Paisagismo e Jardinagem

Lonicera periclymenum

madressilva, madressilva-das-boticas, madressilva-sem-pelos, madressilva inglesa

Foto de Acabashi, CC BY-SA 4.0, via Wikimedia Commons

Uma trepadeira perfeita para revestir pérgolas, onde floresce com aroma intenso nos finais de tarde, apesar de não tão fortemente perfumada como a madressilva japonesa (Lonicera japonica), ela tem um perfume intenso, que é mais evidente à noite, evoluindo e atraindo mariposas noturnas (Limenitis camilla) como polinizadoras. No entanto, é muito menos desenfreada do que a madressilva japonesa, que pode ser um tanto invasiva.

Foto de Krzysztof Ziarnek, Kenraiz, CC BY-SA 4.0, via Wikimedia Commons

Para controlar seu crescimento é necessária uma poda no outono.

É multiplicada pelas sementes, que devem ser semeadas após os frutos ficarem maduros, também por estacas semi-lenhosas , no verão.

Foto de © Roland Fischer, Zürich (Switzerland) – Mail notification to: roland_zh(at)hispeed(dot)ch / Wikimedia Commons

  • Sinônimos estrangeiros: honeysuckle, (em inglês); madreselva de los bosques, chupamiel, parra silvestre, (em espanhol); chèvrefeuille périclymène, chèvrefeuille des bois, broute-biquette, (em francês); wald-geissblatt, windendes geissblatt, (em alemão); caprifoglio atlantico, (em italiano); wiciokrzew pomorski, (em polonês).
  • Família: Caprifoliaceae.
  • Características: trepadeira volúvel, semi-lenhosa, caducifólia e vigorosa. Necessita de amarrilhos para a fixação.
  • Porte: ramos com até de 8 m de comprimento, formando massa compacta.
  • Fenologia: verão.
  • Cor da flor: branco-amarelada com matizes vermelhos..
  • Cor da folhagem: verde.
  • Origem: Europa.
  • Clima: temperado/subtropical. Suporta geadas.
  • Luminosidade: pleno sol, meia sombra.

Comente ou pergunte

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Secured By miniOrange