Sobre o Blog e Contato

Paisagismo e Jardinagem

Megaskepasma erythrochlamys

justícia-vermelha, capota-vermelha, camarão-vermelho

Uma planta excepcional, tanto pelas folhas grandes e coriáceas de 30 a 35 centímetros, como pela florada chamativa que atrai beija-flores, sugando avidamente seu néctar. A justícia-vermelha se comporta melhor em ambientes amplos e com o sol filtrado pelas árvores, inclusive em áreas litorâneas, onde aceita a salinidade; entretanto pode ser cultivada a pleno sol desde que o solo seja mantido úmido, porém bem drenado e enriquecido com matéria orgânica, como estercos, farinha de peixe ou de ossos, etc. Uma camada de cobertura morta ajudará a manter a umidade e pode ser feita com folhas secas, substratos, turfa, palhas, vermiculita, fibra de coco e/ou serragem. Sua reprodução é muito fácil sendo feita por estacas após o florescimento, também aceita podas depois de ter florado que estimulam a compactação e o florescimento.

Em grupos, formando sebes, é uma boa opção para criar privacidade e aconchego já que o maciço é extremamente denso, isolando as vistas externas.

Seu nome botânico vem das palavras gregas mega significando grande e skepasma pelas suas brácteas. Erythrós é vermelho em grego e chlamys, manto, em referência as brácteas púrpuras onde nascem as flores.

  • Sinônimos estrangeiros: red justicia, brazilian red cloak, (em inglês); capa roja brasileña, capa roja, canutillo, pavoncillo rojo, manto rojo, (em espanhol); fackelbusch, fackel-busch, (em alemão); justicia rouge, manteau rouge du brésil, (em francês).
  • Família: Acanthaceae.
  • Características: Arbusto.
  • Porte: 3,00 a 5,50 metros.
  • Fenologia: Primavera e verão.
  • Cor da flor: Brácteas vermelho-escuras com flores brancas.
  • Cor da folhagem: verde claro.
  • Origem: Venezuela, Costa Rica, Nicarágua e El Salvador.
  • Clima: Subtropical/tropical, bastante sensível a baixas temperaturas.
  • Luminosidade: Meia-sombra.

Comente ou pergunte

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aviso! Está a tentar enviar uma imagem inválida. A imagem não vai aparecer com o seu comentário.

8 Comments

  1. Curitiba tem um clima ameno, por vezes bastante frio. Mesmo assim tenho observado floradas incríveis dessa flor maravilhosa.

    • Sim Francisco,

      A Megaskepasma suporta frios, mas não geadas fortes. Dependendo da orientação onde ela é cultivada pode tolerar as baixas temperaturas de Curitiba.

      Abraços

  2. Boa noite,Raul!Tenho um pé de limão siciliano em um vaso,que está muito bonito.Minha pergunta:qual o tempo pra começar a dar frutos,já que o mesmo foi feita a muda através de galho?

    • Boa tarde Ana Lúcia,

      Demora, no mínimo, três anos para frutificar.

      Abraços

  3. Oi sou paisagista

    • Oi Rosemar,

      Que bom que seja minha colega de profissão! Posso ajudar em algo?

      Abraços

  4. Tenho sítio em Gonçalves,sul de Minas,onde as temperaturas são amenas.Onde encontro mudas da justiça vermelha na região? Grande abraço,fiz curso de paisagismo com você no Oscar Americano a uns 15 anos atrás.Egle Maria

    • Olá Egle,

      Que bom poder saber de você!

      Seguem alguns produtores da justícia-vermelha:

      – Fazenda Citra com Luis Bacher, em Limeira SP
      http://www.fazendacitra.com.br/‎ – (19) 3451-1221 -www.luisbacher.com.br;
      – Ciprest, com Edilson Giacon em Limeira SP – (19) 3451-5824 http://www.portalverd.com/ciprest;
      – Floricultura Campineira, com Guilherme, no Barão Geraldo SP – (19)8157-8887

      Grande abraço!