Sobre o Blog e Contato

Paisagismo e Jardinagem

Calendula officinalis

calêndula, maravilha-do-jardim, malmequer

Foto de Dinesh Valke from Thane, India, CC BY-SA 2.0, via Wikimedia Commons

Esta margarida de flores alaranjadas recebeu sua classificação botânica como Calendula, por causa de florescer nas calendaes, que no antigo calendário romano, eram o primeiro dia de cada mês quando ocorria a Lua Nova. No Império Romano era empregada como planta medicinal e também como corante têxtil, alimentar e em cosméticos. Neste último caso uma loção feita com uma xícara de flores frescas, misturada com duas xícaras de leite, era muito usada para passar no corpo. Mesmo seu uso terapêutico era destinado como cicatrizante e para o tratamento de luxações e úlceras externas, assim como nas inflamações oculares. Também pode ser empregada, como faziam na Idade Mé dia, para temperar sopas e saladas ou condimentar o arroz, em lugar do açafrão.

Foto de Alejandro Bayer Tamayo from Armenia, Colombia, CC BY-SA 2.0, via Wikimedia Commons

No Renascimento, na Inglaterra , era um hábito os homens oferecerem cestas com calêndulas às mulheres que pretendiam seduzir. Esse costume, veio de uma lenda mitológica grega sobre a jovem Caltha que aguardava todas as manhãs pelas primeiras luzes do dia, porque estava apaixonada por Apolo, o deus do sol. No entanto, ela queimou essa paixão e se transformou em uma calêndula.

Nos jardins propiciam uma linda luminosidade através de suas flores, que surgem profusamente em canteiros e bordaduras, assim como em vasos em pátios e varandas.

Foto de Hedwig Storch, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons

Multiplica-se por sementes em finais de outono.  Germinam rapidamente, florescendo no início da primavera, até o outono.

  • Sinônimos estrangeiros: pot marigold, common marigold, ruddles, scotch marigold, goldins, jack-on-horseback, (em inglês); botón de oro, caléndula, mercadela, maravilla,  (em espanhol); calendola, fiorrancio, (em italiano); souci officinal, souci des jardins, (em francês); ringelblume, (em alemão).
  • Família: Asteraceae.
  • Características: herbácea anual.
  • Porte: 40 a 60 centímetros de altura.
  • Fenologia: primavera verão e outono.
  • Cor da flor: amarela ou alaranjada.
  • Cor da folhagem: verde.
  • Origem: Sul da Europa, Mediterrâneo.
  • Clima: temperado/subtropical.
  • Luminosidade: sol pleno.

Comente ou pergunte

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 Comments

  1. Olá Raul! Tudo bom?!Desejo que sim! Apaixonante sua publicação, parabéns! Me ajudou muito aqui em meus estudos para apresentar um seminário sobre a Calêndula, na disciplina de Plantas Medicinais do Programa de doutorado do Instituto de Ciências Agrárias da Universidade Estadual de Minas Gerais campus de Montes Claros. Eu não tinha conhecimento da lenda mitológica, muito interessante! Gratidão e um grande abraço.

    • Olá Hellen,

      Fico muito feliz sabendo que lhe foi útil a matéria!

      Abraços

Secured By miniOrange