Sobre o Blog e Contato

Paisagismo e Jardinagem

Quando floresce o flamboyant

Originário de Madagascar, o flamboyant (Delonix regia) é considerado uma das árvores mais belas do mundo, devido ao colorido intenso de suas flores. Frondoso, possui tronco forte e um pouco retorcido, podendo alcançar cerca de 12 metros de altura. Sua copa é muito ampla, em forma de guarda-chuva, e pode ser mais larga do que a própria altura da árvore.

O nome, originário do francês, significa flamejante, adjetivo justificado pela acentuada coloração vermelha de suas flores. A árvore, trazida para o Brasil no início do século 19, na época de D.João VI, adaptou-se perfeitamente ao clima e solo brasileiros. Hoje ela é mais comum na região Sudeste, e muito utilizada em projetos paisagísticos, sendo indicada para áreas abertas com grandes espaços que possibilitem seu desenvolvimento.

A cor flamejante que deu nome à árvore, entretanto, não é a única. Há variedades com flores em tonalidades mais claras, como alaranjado-claro e salmão amarelado.

O crescimento é bastante rápido, chegando a 1,5 metro por ano, até a idade adulta.

Quando a árvore perde as folhas, surgem as inflorescências, compostas por flores grandes, o que ocorre na primavera e no verão.

As raízes do flamboyant são bastante agressivas, com parte delas acima da superfície, tornando-o impróprio para a ornamentação de calçadas, ruas ou nas proximidades de tubulações de água, esgoto, paredes e fiação elétrica. Sua beleza se destaca quando plantado, isolado ou em pequenos grupos, em áreas extensas, como parques, praças ou amplos jardins de residências, indústrias e sítios.



Na nossa cidade, a beleza irresistível desta árvore pode ser observada em vários pontos, como em algumas avenidas e ornamentando o prédio principal da ESALQ.

Antigamente, o flamboyant era classificado como Poinciana regia, mudou seu nome botânico para Delonix regia: délos = evidente e ónix = unha, em grego, uma referencia ao formato das pétalas. Começou a ser usado no paisagismo intensamente nos últimos 150 anos, especialmente nas regiões tropicais e subtropicais de todo o mundo. As praças e avenidas de Moçambique, Sri Lanka, Burma, Jamaica, Nigéria, Bornéu, África do Sul, Egito, Tanzânia e Uganda se destacam graças à florada dela. Da mesma forma é cultivada no sul da Flórida e da Califórnia, Bermudas, México e aqui no Brasil marca presença inesquecível na Ilha de Paquetá, na Baia de Guanabara, onde o pintor Pedro Bueno dedicou várias telas  a essa árvore.

Floresce profusamente quando recebe Sol pleno, competindo com qualquer outra planta que fique sob sua copa, a não ser forrações mais rústicas como grama-preta, wedelia, zebrinas ou o botão-de-ouro (Unxia kubitzkii). O gramado normalmente se apresenta ralo. Sua madeira é pesada (830 kg/m³) e as flores apícolas, se colocadas na água e deixadas na geladeira por uma noite, se conservam mais tempo nos arranjos florais. Um dado curioso que li certa vez: quando se raspa a vagem seca do flamboyant produz um som muito parecido com o do típico reco-reco, comumente usado nos grupos de samba. Será que o flamboyant inspirou nossa música popular?

  • Sinônimos estrangeiros: flame tree, flame of the forest, gold mohur, gul mohr, julu tree, peacock flower, royal poinciana (em inglês);chivato, acacia roja, llamarada, clavellino, flamboyán, árbol del fuego, flor de pavo, guacamaya, josefina, tabuchin, morazán, poinciana (em espanhol); july-tree (nas Antilhas holandesas); chura, radha ( em bengali); mjohoro, mkakaya (em swhili); hang nok yung farang (em thai); phuong (em vietnamese).
  • Família: Fabaceae (Caesalpinioideae)
  • Características: árvore.
  • Porte: 12 a 15 m de altura, copa com 25 a 40 m de diâmetro.
  • Fenologia: Fim da primavera e verão.
  • Cor da flor: Vermelha, alaranjada e a variedade flavida, com flores amarelas.
  • Cor da folhagem: Verde claro.
  • Origem: Madagascar.
  • Clima: Tropical/ subtropical.
  • Luminosidade: Sol pleno.

Texto de coautoria Raul Cânovas e Nancy Thame

Comente ou pergunte

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aviso! Está a tentar enviar uma imagem inválida. A imagem não vai aparecer com o seu comentário.

273 Comments

  1. Mandando a foto. Ela é essa menor.

  2. Olá, boa noite. Estou plantando uma flamboiã aqui em casa. Ela está, aproximadamente, a 1,8 metros da parede. Cavei um pouco mais de 60 cm de profundidade e coloquei ela. Está dentro de um anel de cimento. Vocês acham que existe o risco dela quebrar a calçada, ou pior, o muro? Desde já, agradeço.

    • Obs: estou querendo uma árvore para dar sombra à casa e achei a flamboyant muito bonita. Já pensei em plantar a Nim, mas dizem que causa a mortalidade de pássaros. Minha área tem 6 metros de largura, por 12m de comprimento. Estou plantando a Flamboyant no canto, a 1,8m da parede. Estou temeroso que não dê certo.

      • Boa tarde Rafael,

        O flamboyant não é uma árvore indicada para esse local, mesmo em um anel de cimento que fará com que ele não não desenvolva. Mas caso desenvolva poderá causar transtornos devido a suas raízes.

        Para este espaço lhe recomendo alguma espécie com formato colunar, como por exemplo:

        Aglaia odorata – agláia;
        Triplaris brasiliana – pau-formiga (FOTO);
        Eugenia brasiliensis – grumixama;

        Abraços

  3. Lindo texto! Grato pelas informações!

    • Você merece, Ravel!

  4. Bom dia, ganhei uma muda de flamboyant estava em um vaso com altura aproximada de 50 cm e eu plantei no meu terreno mas parece que ela adormeceu e nao quer vingar, qual a profundidade que devo plantar a planta e quais os cuidados pra ela vingar?
    Obrigado

    • Bom dia Osiel,

      Repare que já respondi sua pergunta, ela está logo abaixo deste texto.

      Abraços

  5. Bom dia
    Tenho uma muda de flamboyant e plantei no patio da minha casa, esta aproximadamente 60 cm de altura e nao desenvolve o que devo fazer?

    • Bom dia Osiel,

      Adube-a usando:

      – 150 gramas de farinha de ossos;
      – 250 gramas de torta de algodão;
      – 250 gramas de borra de café.

      Isto irá estimular o desenvolvimento de seu flamboyant.

      Abraços