Sobre o Blog e Contato

Paisagismo e Jardinagem

Quercus robur

carvalho, carvalho-alvarinho, carvalho-europeu, carvalho-vermelho

Foto de Cephas, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons

Uma árvore muito empregada na arborização de ruas e de jardins na região sul do brasil, possuindo copa larga e globosa, não muito densa, possibilitando a passagem de uma boa quantidade de luz solar. Suas raízes são fortes e profundas com a principal pivotante e as secundárias extensas. Ela é integrante de uma numerosa família com mais de cem espécies e pode viver mais de 500 anos, já foram encontrados exemplares com mais de 1000 anos de idade. Depois da floração, que ocorre na primavera, surgem as bolotas servindo de alimento para pássaros e mamíferos. Cresce em solos argilosos, mesmo naqueles com um certo encharcamento estacional e é indiferente ao ataque de insetos e fungos.

Foto de Brass hat, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons

As trufas (Tuber melanosporum), que se desenvolvem nele, manifestam-se nas raízes desta árvore, em perfeita simbiose, crescendo debaixo da terra e para pega-las utilizam-se tradicionalmente cães ou porcos pelo seu olfato sensível. Este cogumelo é branco, torna-se mais tarde preto e é essencial na preparação do foie gras, uma das maiores iguarias da culinária francesa. Infelizmente o  ganso ou o pato foi forçosamente alimentado à exaustão, para fazer este manjar, o que levou à hipertrofia do fígado… tristemente.

Na mitologia é a árvore sagrada de muitos deuses, como para Zeus na Grécia, Júpiter em Roma, Thor na Escandinávia e Dagda para os celtas.

Sua madeira, muito dura, é utilizada na fabricação de toneis, onde se envelhece cachaça, whisky, vinhos e outras bebidas alcoólicas, propiciando um aroma especial. Também é aproveitada na construção, em navios e mobiliário.

Foto de NobbiP, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons

  • Sinônimos estrangeiros: english-oak, pedunculate oak, (em inglês); roble, roble fresnal, carballo, (em espanhol); chêne pédonculé, chêne rouvre, (em francês); stieleiche, sommereiche, (em alemão); farnia, (em italiano); dub letní, (em checo); dub čereščatyj, dub obyknovennyj, (em russo); dąb szypułkowy, (em polonês).
  • Família: Fabaceae.
  • Características: árvore caducifólia.
  • Porte: 20 a 25 metros de altura, nas florestas europeias e asiáticas alcança mais de 35 metros de altura.
  • Fenologia: primavera, a partir dos 40 anos de idade.
  • Cor da flor: amarelo esverdeado.
  • Cor da folhagem: verde escura, ficando amarelas e marrons no outono.
  • Origem: Europa, Ásia.
  • Clima: temperado/ subtropical serrano e úmido, resistente à geadas.
  • Luminosidade: sol pleno.

Comente ou pergunte

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 Comments

  1. Adoro suas postagens ! Sempre aprendo algo
    Obrigada
    Um ótimo ano 2022!

    • Ah, Scris,

      É muito bom saber isto!

      Espero que o 2022 lhe traga todos seu sonhos realizados!!!

      Abraços

Secured By miniOrange