Sobre o Blog e Contato

Paisagismo e Jardinagem

Strelitzia reginae

estrelítzia, ave-do-paraíso, estrelícia da rainha

Fotos: Diran Santos | @diransantos2

Fotos: Diran Santos | @diransantos2

Introduzida na Europa em 1773, foi cultivada primeiro no Royal Botanic Kew Gardens. Seu nome foi em homenagem à rainha Sofia Carlota de Mecklenburg-Strelitz, esposa do rei Jorge III, da Inglaterra. Entouceirada e rizomatosa possui folhas rígidas e coriáceas e suas flores são duráveis, por isso muito usada como flores de corte. Ela, que é a flor oficial da cidade de Los Angeles, tolera solos alcalinos e enxutos, assim como os ventos salinos do mar. Quando muito úmidos e mal drenados é atacada pelo fungo Fusarium. Um fertilizante de liberação controlada, na fórmula 4-14-8 e um pouco de um bom substrato estimulam sua florada. Eles são sensíveis ao frio e precisam ser protegidos da geada, pois pode danificar as flores e folhas. Quando os beija-flores possam para beber o néctar, as pétalas abrem para cobrir suas patinhas com pólen.

No paisagismo deve ser usada como planta de destaque, devido a sua silhueta singular, posicionando-a em locais próximos do observador. Solitária ou formando grupos complementados por forrações ou por gramados, deve guardar uma certa distância de outros arbustos.

  • Sinônimos estrangeiros: strelitzia, crane flower, bird of paradise (em inglês); flor-de-pájaro , ave-del-paraiso , estrelitzia , estrelicia (em espanhol); isigude (em zulu); kraanvoelblom (em africaner); oiseau du paradis, strelitzie de la reine (em francês).
  • Família: Strelitziaceae.
  • Características: Arbusto perene, ereto de textura semi-herbácea.
  • Porte: de 1,40 a 1,80m de altura.
  • Fenologia: Ano todo.
  • Cor da flor: Alaranjada com pétalas azuis e brancas. Há uma variedade de flores amarelas: S. reginae var. “Citrina”, conhecida como”Ouro de Mandela”
  • Cor da folhagem: verde azulada.
  • Origem: África do Sul.
  • Clima: Subtropical/temperado, tolerando geadas leves.
  • Luminosidade: Pleno sol/ meia-sombra.
Raul Cânovas nasceu em 1945. Argentino, paisagista, escritor, professor e palestrante. Com 50 anos de experiência no mercado de paisagismo, Cânovas é um profissional experiente e competente na arte de impactar, tocar, cativar e despertar sentimentos nos mais diversos públicos.

Comente ou pergunte

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aviso! Está a tentar enviar uma imagem inválida. A imagem não vai aparecer com o seu comentário.

4 Comments

  1. Maravilhosa!
    Cor que alegra e ilumina.

    • Sim, Maria Teresa, ela é um encanto.

      Obrigado pelo comentário!

  2. Planta muito espetacular! Sua floração é extremamente linda! Ótima para ilustrar locais sem cores.

    • Verdade Henrique, gosto muito dela.