Sobre o Blog e Contato

Paisagismo e Jardinagem

Solidão no Natal

Se você está só, pense que outras pessoas, com as quais se relaciona, também podem estar desacompanhadas. Que tal ligar para essa alma solitária, propondo partilhar juntos a noite de Natal? Acredito que muitas vezes a solidão é nossa grande companheira, até buscamos esse sentimento de isolamento para pensar, para sonhar ou quiçá para fazer uma caminhada. Mas nesse dia é sempre mais difícil, porque recordamos a mesa farta, os presentes embaixo da árvore, coisas que estão ausentes agora, causando tristeza, um vazio, talvez depressão. Falta aquele abraço afetuoso, o riso de alguém, o brinde com um espumante, enfim, as coisas festivas que desenhavam sorrisos no seu rosto e que a ausência, hoje, lhe cause um abismo emocional, sufocando lhe a garganta.

Foto de Jin Kemoole, CC BY 2.0, via Wikimedia Commons

Obviamente existem outras alternativas para ter uma companhia nesse dia. Já pensou em fazer um trabalho voluntário, junto com pessoas como você? Por exemplo visitar hospitais, lares onde vivem idosos, assistir mulheres e homens carentes que vivem nas ruas ou distribuir brinquedos às crianças pobres e miseráveis? Você não imagina a quantidade de seres humanos que, carentes, necessitam de um apoio psicológico durante as festas natalinas. Isto é válido para combater sua melancolia.

Sei que é uma data especial para todos…inclusive para você. Como não lembrar nossa infância onde celebrávamos isto rodeados de familiares e amigos. Como não sentir a falta do aconchego familiar que dói como se fosse uma ferida.

Foto de Bengt Nyman from Vaxholm, Sweden, CC BY 2.0, via Wikimedia Commons

Não envie mensagens massificadas, faça isto com afeto verdadeiro, destinando seu carinho para alguém que “more no seu coração”, ligue pelo telefone. Quem sabe possa partilhar com essa pessoa sua noite natalina, inventando uma nova família. Mas, claro, você pode optar por ficar sozinho nesse dia, então prepare sua festa pessoal com um bom jantar (não se esqueça de usar um perfume) e ouvindo uma boa música, como “Carinhoso”, de Pixinguinha e João de Barro ou “Águas de Março” de Tom Jobim; compre algumas iguarias, como um suculento e macio peru, adquirido em uma rotisserie que você curta, acompanhado por uma taça de vinho. De sobremesa o sorvete maravilhoso, junto ao panetone com chocolate meio amargo e cobertura de amêndoas. Gostou? Então, ânimo e desfrute sua noite natalina!

TE DESEJO UM FELIZ NATAL!!!

Comente ou pergunte

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 Comments

  1. Que reflexão natalina maravilhosa. Tocou a minha alma.
    Quanta sensibilidade meu amigo.

    • Querida Eiza,

      Fico feliz sabendo que o texto alcançou tua consciência.

      Beijos!

Secured By miniOrange