Sobre o Blog e Contato

Paisagismo e Jardinagem

Jardim para todos em qualquer cantinho

Atualmente, um problema comum encontrado em quase todas as cidades grandes é a falta de espaço físico. No trânsito, nos supermercados, nas academias e principalmente dentro de casa.

No paisagismo, uma das soluções encontradas foi a adoção de jardins verticais: pequenas, médias ou grandes paredes forradas de plantas, com blocos otimizados para este fim e avançados sistemas de irrigação automática. Porém, o próprio desenvolvimento desta solução abriu caminho para um novo mercado, muito bem desenvolvido no exterior mas que ainda engatinha no mercado nacional. A tendência da moda são os cachepots de cerâmica com imãs.

Eles são pequenos e cabem na palma da mão. Com design moderno, trazem uma infinidade de misturas de cores típicas de um país tropical como o Brasil. Decoram geladeiras, pilares,quadros de metal e o que mais a sua imaginação quiser, e ainda podem se usados em conjunto com qualquer flor ou planta em pequenos vasos. Respeitando a necessidade de luz e água das plantas, o cachepot magnético em nada atrapalha a durabilidade da planta. E se a plantinha precisar ser substituida, não há nenhuma dificuldade: como em um cachepot comum, basta trocar o vaso por outro.

Um exemplo de planta que combina perfeitamente com os cachepots magnéticos são as Calatheas. Elas são duráveis, de meia sombra e que se adaptam muito bem dentro de casas e ambientes fechados e com ar condicionado, como lojas e shoppings. Suas folhas coloridas e brilhantes podem contrastar ou combinar com os cachepots. Ao contrário de muitas folhagens que, quando jovens ainda não desenvolveram todo o esplendor da sua beleza, as mudinhas de Calatheas já exibem, desde pequenininhas, todos os desenhos, cores e texturas da planta adulta.

Vale lembrar, ainda, de algumas dicas para manter suas Calatheas sempre saudáveis, seja nos cachepots, em vasos comuns ou até mesmo plantadas no solo: posicione em ambientes sombreados, sem incidência de luz solar direta; mantenha o substrato úmido, mas nunca encharcado; sempre que possível, borrife água moderadamente em suas folhas e, finalmente, aplique adubo NPK 10.10.10 de seis em seis meses. Sua Calathea vai adorar!

Responder Rita Reis Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aviso! Está a tentar enviar uma imagem inválida. A imagem não vai aparecer com o seu comentário.

2 Comments

  1. Ola gostei dos vasos pendentes para parede, como faço para conhecer, comprar?

    Obrigada
    Rita