Sobre o Blog e Contato

Paisagismo e Jardinagem

Pergunte ao Raul – 2020

ATENÇÃO LEITORES

Informe na sua pergunta a sua região(Cidade e Estado). Pois estes dados são fundamentais para a elaboração precisa de sua resposta.

Comente ou pergunte

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aviso! Está a tentar enviar uma imagem inválida. A imagem não vai aparecer com o seu comentário.

1.065 Comments

  1. Bom dia, Sr Raul! Minhas azaleias pararam de dar flor e surgiram manchas nas folhas.
    O que fazer?

    • Foto abaixo

      • Bom dia Adriana,

        Suas azáleas estão sofrendo um ataque do ácaro-vermelho. Pode controlar essa praga pulverizando com enxofre ou com calda sulfocálcica (cal virgem + enxofre). Por causa da reflexão da luz, uma camada fina de casca de arroz, nos canteiros, também inibe os ácaros.

        Abraços

        • Muitíssimo obrigada! Sou sua fã!

          • Você merece Adriana!

            Abraços

  2. Sr Raul, moro em itatiba – SP minha primavera esta com essas manchas na folha, poe favor, como posso trata-la

    • Olá Sueli,

      Essas manchas na sua primavera podem indicar a presença de fungos. Faça três pulverizações, semanais, com Forth Cobre, evitando esta operação nas horas mais quentes do dia.

      Abraços

  3. Raul estou com um problema num cacto da minha cliente ele está com.umas manchas brancas não tem bicho mas as manchas esbranquiçadas o que poderá ser
    enviando foto1

    • enviando foto 2

      • desculpa a segunda foto e essa

    • Bom dia Maria Martha,

      Esse mandacaru foi infestado por um fungo, conhecido como podridão negra. Para controla-lo faça uma cama de aviário não autoclavado nas doses igual ou superior a 30% isto é eficiente na supressividade do crescimento dessa doença. Adicione também 300 gramas de salitre do chile duplo potássico em volta do mandacaru, sem entrar em contato direto com o caule.

      Também pincele as partes afetadas com sulfato de cobre.

      Isto irá deter a doença, mas as manchas necróticas não vão modificar de aparência.

      Abraços

  4. Raul estou com um problema num cacto da minha cliente ele está com.umas manchas brancas não tem bicho mas as manchas esbranquiçadas o que poderá ser

  5. Raul estou com um problema num cacto da minha cliente ele está com.umas manchas brancas não tem bicho mas as manchas esbranquiçadas o que poderá ser

  6. Prezado Raul, percebi que após 6 meses diminuiram as folhas das hastes de meus bambus da sorte que estão plantadas em vasos.
    E antes, haviam muito mais folhas. Qual a sua opinião? Grande abraço!

    • Boa tarde Sandra,

      Isto indica uma deficiência nutricional, especialmente de boro.
      Faça uma adubação usando 5 ml por litro de água do Forth Enraizador, seis vezes, semanalmente.

      Isto irá revitalizar seus bambus da sorte.

      Abraços

  7. Bom dia Sr. Raul.
    Poderia me informar o nome desta espécie. Obrigado

    • Boa tarde Paulo,

      Infelizmente a foto que nos enviou não chegou até nós. Por favor, tente novamente.

      Abraços

  8. Bom dia, Raul. O que seria isto que aparece em algumas plantas, por favor.

    Sempre agradecida.

    • Bom dia Catalina,

      É um vírus conhecido como mosaico, uma vez infectada, infelizmente, não há como livrar a planta desse patógeno.

      Abraços

    • É triste porque elas são extremamente invasivas, vão se espalhando por toda parte e numa velocidade impressionante, quase tanto quanto aquela pilea que chamam de brilhantina. Essa é o meu pesadelo! A tradescantia acima também tem sempre uma doença que parece ser trips ou ácaros, não sei. E vão contaminando tudo. Mando foto. Mais uma vez muito obrigada, Raul. Grande abraço

      • Não foi a foto. Nova tentativa

      • Oi Catalina,

        No caso dos tripes tente combate-los com calda de fumo.
        Pique 50 g de fumo de corda e coloque num vidro com 1 litro de água durante 12 horas (se deixar mais tempo, fermenta), coe e dilua em 5 litros de água, em seguida pulverize três vezes, semanalmente.

        Para os ácaros faça assim: esmague uma cebola numa trituradora e junte uma quantidade igual de água; coe a mistura e use o líquido resultante para pulverizar semanalmente, pelo menos três vezes. Enterrar essa polpa amassada nos canteiros.

        Abraços

  9. Boa noite Raul!

    Sou de Brasília, tudo bom?
    Então, tenho um Jasmim manga muito querido, que durante o final do ano passado e o comecinho desse ano, estava super bem. Mas agora, está doente, com as folhas amareladas, e muitas delas com essas zonas mortas cobertas de pequenos pontinhos alaranjados. Procurei saber se era alguma deficiência de nutriente, mas acho que no caso, podem ser mais de uma coisa acontecendo ao mesmo tempo…
    O que será que está acontecendo?

    Obrigada!

    • Bom dia Mariana,

      É ferrugem. O excesso de nitrogênio e a umidade alta, especialmente na primavera e nas regiões baixas, favorece esta doença,que surge com manchas amarelo-alaranjadas ou marrom- avermelhadas na face inferior das folhas.

      Elimine as partes atacadas e pulverize três vezes, semanalmente, com sulfato de cobre, alternando com enxofre, outras três vezes.

      Abraços

  10. Bom dia Raul…solicito a gentileza de orientação d3 espécies de árvores.. para passeio público em frente ao mar ! Só temos chapéu de sol , abridor da praia e coqueiros. Coccoloba não encontro mudas…precisamos d3 muita sombra. Guanandi é extremamente lento. Em Santos plantaram Tibouchinas…coitadas.. Estou em Guarujá.Temos legislação de Arborização municipal. AGRADEÇO MUITO SUA ATENCAO

    • Bom dia Claudia,

      Para a orla em Guarujá sugiro as seguintes:

      – Andira legalis – angelim-doce;
      – Byrsonima sericea – murici-da-praia;
      – Annona glabra – araticum-do-brejo;
      – Jacaranda puberula – carobinha;
      – Senna australis – fedegoso-rasteiro;
      – Schinus terebinthifolius – aroeira-pimenteira;
      – Tabebuia cassinoides – caxeta;
      – Inga marginata – ingá-feijão;
      – Tabebuia umbellata – ipê-amarelo-do-brejo;
      – Hibiscus tiliaceus – algodoeiro-da-praia.

      Todas elas são ótimas opara essa região e dão sombra.

      Abraços

  11. Boa tarde, Raul ! Meu nome é Juliana e moro em Brasilia, DF. Possuo dois ciprestes italianos e em um deles, as folhas estao ficando secas. O que posso fazer para combater isso > Obrigada.

    • Bom dia Juliana,

      Pode ser uma doença conhecida como câncer do cipreste. Se a causa for esta, pode os galhos infectados no mínimo 10 centímetros abaixo do câncer para ajudar a evitar que a infecção se espalhe para os caules principais.

      Também esse sintoma pode indicar um ataque de ácaros, neste caso faça três pulverizações, semanais, com enxofre ou com calda sulfocálcica (cal virgem + enxofre).

      Isto pode solucionar o problema.

      Abraços

  12. Olá Raul! Como vai?
    Você poderia indicar plantas nativas de sombra de porte médio (max 2mt) e pequenas com floração?
    Um abraço!

    Rio de Janeiro, RJ.

    • Meia sombra, na verdade.

    • Olá Ricardo,

      Sim, seguem algumas de porte médio:

      – Strobilanthes dyerianus – escudo-persa, (FOTO);
      – Aglaonema commutatum – café-de-salão;
      – Alocasia amazonica – punhal-malaio;
      – Zamioculcas zamiifolia – zamioculcas;
      – Cyclanthus bipartitus – mapuá;
      – Dracaena sanderiana – dracena-sanderiana.

      Pequenas com flor, para sombra:

      – Eucharis grandiflora – lírio-do-amazonas;
      – Glechoma hederacea – bálsamo-do-campo;
      – Viola odorata – violeta-de-cheiro;
      – Barleria repens – barléria-vermelha.

      Abraços

  13. Sr. raul boa tarde,precisaria de uma ajuda , temos uma floreira no hall do edificio e ja foi plantado diversas plantas , entre elas ixoria , grama amendoin , e nada vai para frente tudo morre , o local é de meia sombra , pega muito vento e fica em frente ao mar do litoral sul, oque poderiamos colocar , a terra tambem ja foi trocada toda 2 vezes
    muito obrigado

    • Bom dia Cristiane,

      Sugiro as seguintes:

      – Clusia fluminensis “Pedra azul” – clúsia-da-pedra-azul;
      – Zamia furfuracea – zamia;
      – Pandanus veitchii – pândano-de-folha-serrada; (FOTO)
      – Curculigo capitulata – curculigo;
      – Tradescantia zebrina – lambarí;
      – Hedera canariensis – hera-batata;
      – Ajuga reptans – ajuga;
      – Chlorophytum comosum – clorofito.

      Todas elas desenvolvem bem nessa situação.

      Abraços

  14. Raul
    Tenho varias pantas floridas em vasos, pretendo adubar com o fertilizante 04.14.08,me informe por favor a dosagem em cada vaso e e posso misturar com húmus de minhoca.

    • José,

      Se o fertilizante é líquido, use uma tampinha por litro de água. Para adicionar húmus de minhoca espere uma semana após a aplicação do 4-14-8.

      Abraços

  15. Boa tarde sr. Raul. Tenho um pé de ameixa amarela plantada em um vaso, em Brasília. Ela floresce todos os anos, mas não frutifica. Qual sua orientação para que ela comece a dar frutos? Ou será necessário utilizar um polinizador? Grata pela sua atenção.

    • Bom dia Anelise,

      Seguramente se trata de uma deficiência nutricional. Fertilize com emulsão de peixe (há várias marcas no mercado, (a Ferti Peixe é uma delas), 2 kg de cinzas de lenha livres de sal e/ou gordura e 150 gramas do fertilizante Forth Frutas a cada 60 dias.

      Isto irá estimular o desenvolvimento dos frutos.

      Abraços

  16. Boa tarde sr. Raul, moro em Brasília e gostaria de plantar um tipo de grama nativa do cerrado num solo laterítico, típico de Brasília. Me foi recomendado a grama batatais. Gostaria de saber sua recomendação sobre uma grama nativa e como plantá-la. Muito grato pela sua ajuda.

    • Bom dia Frederico,

      Recomendo, para Brasília, a grama Esmeralda Imperial ou a Zeon. As duas são de crescimento lento e tolerantes aos períodos de estiagem.

      Para plantá-las é necessária uma escarificação superficial, nivelamento do terreno e correção do pH com calcário dolomítico e a incorporação de 50 gramas de superfosfato simples por m². Em seguida o assentamento das placas, que devem ser socadas para uma melhor aderença, e as regas matutinas diariamente.

      Abraços

  17. Raul, bom dia! Sou a Alda Andrade. Fui diretora da ASPA,-MG, a Associação de Paisagistas de Minas Gerais, e fomos juntos, com um grupo de paisagistas, visitar o Inhotin, em Brumadinho, lembra?
    Acompanho a sua página, e hoje tenho uma consulta: meu limoeiro siciliano já tem 8 anos que está num vaso de cerâmica, e já tem 2 anos que parou de produzir. Tenho que transplanta-lo para o chão? Será que ele cansou de vaso?
    Um abraço!

    • Bom dia querida Alda,

      Lembro de você, sim!

      Não cansou, apenas precisa de nutrição. Aplique 500 gramas de farinha de ossos e, a cada 15 dias, uma colher de sobremesa diluída em um litro de água, do fertilizante Forth Frutas.

      Em pouco tempo começará florescer e depois dar frutos.

      Abraços

  18. Boa Tarde Sr Raul!
    Tenho plantada na minha calçada uma árvore de jasmim Manga, de 5 anos. Caíram todas as folhas e flores no tempo certo, nasceram todas… tem galhos novos, bem aguada, no entanto está tendo uma queda de folhas diariamente, ficando amarelas e caindo, fora do padrão. As folhas estão com um pó amarelo por debaixo delas… gostaria de saber se posso passar algum veneno… ou se devo adubar ( nunca adubei, sempre linda de natureza rs). Moro em Ribeirão Preto -Sp e agradeço desde já a atenção.
    Um abraço Liana

    • Bom dia Liana,

      Seu jasmim-manga está infestado de pulgões, pulverize três vezes, semanalmente, com o inseticida Combat (composto por: Neem, citronela e pimenta). O macerado de urtiga também é eficaz. Polvilhar no solo carvão vegetal bem picadinho,
      junto com pitadas de cinzas de lenha livres de sal e/ou gordura, isto também é eficaz.

      Abraços

  19. O Maracujá nem sempre floresce por conta da presença do polinizador, não é? Se não me engano a Mamangava é um deles? Poderia falar mais sobre isso?

    • Ricardo,

      Sim, é a mamangaba o polinizador do maracujá. Mas na ausência dela pode ser feita a polinização com a ajuda de um cotonete que deve ser passado de uma flor para a outra.

      Abraços

  20. Bom dia !! qual planta é essa

  21. Raul bom dia. Pessoa planta parece um syngonium, mas nunca vi essa flor. Qual o nome dessa planta?

  22. Ola raul!! Veja se a foto chegou? Vc saberia dizer qual planta é essa? Moro no Rio de Janeiro. Abraço!!

  23. Ola Raul, como está!?
    Vc sabe Qual planta é essa? Gratidao!! Abraço !! Moro na Ilha do governador, RJ

    • Olá Wiliam,

      A foto não chegou até nós. Por favor tente novamente.

      Abraços

    • Poxa Wiliam que pena a sua foto não chegou até nós…tente novamente.

      Abraços

  24. Raul, você tem alguma matéria sobre a trepadeira madressilva? E poderia citar alguns exemplos de trepadeiras com flores para sombra?

  25. enviando a foto da suculenta

  26. segue a foto, não consegui enviar

  27. tenho uma era unha de gato na.parede da minha casa e nela esta aparecendo umas pontas amareladas que fungo é e como combatelo

    • Jorge,

      Pontas amareladas podem ser um sintoma de antracnose. Pulverizações feitas com o fertilizante Forth Solúveis Produtivo resolvem o problema. A fórmula garante uma fonte alta de Potássio, necessário para criar defesas contra esse fungo, além de fornecer Nitrogênio e micronutrientes. O Forth Cobre também supre as necessidades de cálcio, cobre e enxofre e é interessante sua aplicação.

      Abraços

  28. boa tarde Sr Raul, sou de Itatiba, São Paulo e ganhei essa suculenta, e não sei o que ela tem, apareceram hoje essas manchas rugosas nela e a folha cai. se ponho no sol, ela mancha, não sei como tratar. obrigada pela atenção

    • Boa tarde Sueli,

      Infelizmente a foto não chegou até nós. Tente novamente.

      Abraços

  29. COMO ACABO COM AS RAIZES DA TUMBERGIA

    • Nelson,

      Tente com o Glifosato Dimy. Ele é um herbicida muito eficaz.

      Abraços

  30. Meu sapatinho de judia está lindo, folhas verdes mas não está dando flores, me falaram que devo colocar farinha de osso, comprei mas não tenho ideia a quantidade que devo colocar., será que poderia me ajudar.

    Obrigada

    • Regina,

      A farinha de ossos é ótima para estimular a florada. Não deve ser misturada com calcário dolomítico e pode usar 400 gramas. O efeito é um pouco demorado, mas se estende por quase três anos.

      Abraços