Sobre o Blog e Contato

Paisagismo e Jardinagem

Enterolobium contortisiliquum

orelha-de-negro, tamboril, timbaúva, timbaúba, timburi

Foto de Ganímedes, CC BY-SA 4.0, via Wikimedia Commons

Uma árvore com copa ampla e frondosa, em forma de guarda-chuva, que alcança um diâmetro de 25 metros, quando isolada. Sua flores brancas, que atraem besouros, borboletas e abelhas, formam um pompom que, mais tarde, dão lugar a um fruto escuro parecendo uma orelha humana, com 9 centímetros de comprimento e contendo de duas a doze sementes. Este fruto pode causar a morte do gado quando ingerido por eles, ocasionando hiporexia, prostração, perda de peso, edema generalizado, dermatite e icterícia. Entretanto alimenta cutias, papagaios, macacos, antas, porco-do-mato e pacas, responsáveis pela dispersão das sementes. Deve ser cultivada em solos de baixa fertilidade ou férteis, mas profundos, evitando solos rasos.

Foto de Stickpen, Public domain, via Wikimedia Commons

O nome popular Timbaúba vem do tupi-guarani timbó-yba que podemos traduzir como árvore de espuma, aludindo à espuma produzida pelo fruto e Enterolobium vem do grego énteron, intestino e lobion, lobos; contortisiliquum significa retorcido.

No paisagismo a recomendo para arborização de rodovias, praças e espaços grandes onde possa luzir melhor, proporcionando uma boa sombra, mas não a indico para ser cultivada em calçadas ou próxima de muros, devido a seu sistema radicular que pode causar danos.

Foto de Ganímedes, CC BY-SA 4.0, via Wikimedia Commons

A multiplicação é feita por sementes que devem ter sua dormência quebrada em água quente por doze horas. Germinam em mais ou menos 10 a 30 dias e o crescimento é rápido.

  • Sinônimos estrangeiros: pacara earpod tree, (em inglês); pacará, toco, timbó, cara caro, oreja de negro, (em espanhol).
  • Família: Fabaceae Mimosoideae.
  • Características: árvore caducifólia de grande porte.
  • Porte:  20 a 35 metros de altura.
  • Fenologia: junho a outubro, dependendo da região.
  • Cor da flor: branca.
  • Cor do fruto: marrom escuro quando maduro.
  • Cor da folhagem: verde claro.
  • Origem: Norte da Argentina, Sul da Bolívia, Leste do Paraguai, Nordeste do Uruguai e quase todo o Brasil, excetuando a região Norte.
  • Clima: subtropical/tropical.
  • Luminosidade: sol pleno.

Comente ou pergunte

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Secured By miniOrange