Sobre o Blog e Contato

Paisagismo e Jardinagem

Calathea zebrina

Calatéia-zebra, maranta-zebrina, maranta zebra

Foto de Nemracc, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons

É uma herbácea que alcança 80 centímetros de altura, podendo, excepcionalmente, chegar a um metro. As hastes longas, de até 30 centímetros, possuem folhas ovais que alcançam mais de 50 centímetros. As pequenas flores, com hastes de 10 centímetros, são do tipo espiga e ficam escondidas entre as folhas na base da planta, podendo passar despercebidas quando a planta já se encontra na sua fase adulta, com várias folhas.

Foto de Das Mousumi, CC BY-SA 4.0, via Wikimedia Commons

Em regiões onde os invernos tem temperaturas mínimas de 15 graus pode ser cultivada nos jardins sob a sombra das árvores, mas quando esses meses são mais frios deve ser pensada como planta de interior, especialmente nos banheiros, em vasos ou canteiros internos com o solo mantido levemente úmido ou sobre uma cama de seixos molhados, as folhas agradecem uma pulverização diária, sempre na parte da manhã, com água mineral, se a umidade ambiente for muito baixa a folhagem se encolhe ficando com as folhas enroladas. A borra de café e a torta de mamona são excelentes fertilizantes orgânicos para adubá-la a cada dois meses.

Foto de 阿橋 HQ, CC BY-SA 2.0, via Wikimedia Commons

Seu nome científico Calathea provém do grego kalathos que significa “cesta” e zebrina tem o significado de “com listras como a da zebra”. Uma nova classificação botânica a denomina Goeppertia zebrina.

Sua reprodução é feita pela divisão de touceiras.

  • Sinônimos estrangeiros: zebra plant, peacock plant, (em inglês); calatea zebrina, (em italiano); plante paon, (em francês);  calatea cebra, planta cebra, (em espanhol); korbmarante, (em alemão).
  • Família: Marantaceae.
  • Características: herbácea perene.
  • Porte: 60 a 90 centímetros de altura.
  • Fenologia: verão.
  • Cor da flor: arroxeada, escondidas entre a folhagem.
  • Cor da folhagem: verde clara com faixas transversais verde escuras, arroxeada na fase de baixo e textura aveludada.
  • Origem: Sudeste e Nordeste do Brasil, nas matas úmidas.
  • Clima: tropical/subtropical úmido.
  • Luminosidade: meia sombra, sombra.

 

Comente ou pergunte

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aviso! Está a tentar enviar uma imagem inválida. A imagem não vai aparecer com o seu comentário.

Secured By miniOrange