Sobre o Blog e Contato

Paisagismo e Jardinagem

Inga sessilis

Ingá-macaco, ingá-arqueado, ingá-ferradura, ingá-peludo, ingá-carneiro, ingá-açú-amarelo, ingazeiro

Uma árvore excelente para a recuperação de áreas com solos desgastados, já que fixa o nitrogênio que capta do ar, especialmente nas terras úmidas à beira de rios e várzeas inundáveis, entretanto não suporta a seca. Possui um tronco curto geralmente tortuoso e uma copa ampla e arredondada, sendo polinizada por beija-flores e abelhas durante o dia e morcegos depois da queda do sol. É frequente nos campos rupestres, entre 1.000 e 1.400 metros de altitude, em Minas Gerais, onde cresce com rapidez.

Os frutos deste ingá são comestíveis e muito apreciados em sucos e outros acepipes.

  • Sinônimos estrangeiros: Inga, (em inglês); inga-í, (em guarani); pacay, guabilla, (em espanhol).
  • Família: Leguminosae – Mimosoideae.
  • Características: Árvore perenifólia.
  • Porte: De 5 a 8 metros quando cultivada ou 10 a 20 metros de altura na mata de origem.
  • Fenologia: Primavera e verão.
  • Cor da flor: Branca.
  • Cor da folhagem: Verde escuro.
  • Origem: Sul de Minas Gerais e da Bahia até Rio Grande do Sul.
  • Clima: Subtropical/tropical.
  • Luminosidade: Sol pleno.

 

Comente ou pergunte

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aviso! Está a tentar enviar uma imagem inválida. A imagem não vai aparecer com o seu comentário.

Secured By miniOrange