Sobre o Blog e Contato

Paisagismo e Jardinagem

Leucophyllum frutescens

folha-de-prata, sálvia-do-texas, chuva-de-prata

Um arbusto extremamente resistente. Na região onde cresce espontaneamente suporta -7°C no inverno e até 38°C no verão, característica comum nas plantas com folhas acinzentadas que precisam de estações marcantes, como as do Deserto de Chihuahua, um dos biomas em que habita. Apesar disso se tornou comum no paisagismo da Flórida, um território com invernos menos frios e umidade alta.

O solo onde será cultivada pode ser de pH elevado, inclusive alcalino, mas deve ser bem drenado, arenoso, podendo ser aproveitada em vasos com forrações que contrastem em tonalidades, em cercas-vivas, especialmente aquelas que sofrem com ventos fortes, tanto em áreas de planalto como próximas do mar. O calor permanente em regiões tropicais favorecem o aparecimento de oídio, cochonilhas, e podridão da raíz; por tanto não a recomendo para o Norte do Brasil.

Podas em agosto estimulam o crescimento compacto e vigoroso, além de promover uma floração maior.

  • Sinônimo estrangeiros: purple sage, texas ranger, silverleaf, white sage, ash bush, sensia (em inglês); cenizo (em espanhol);
  • Família: Scrophulariaceae;
  • Características: arbusto;
  • Porte: 1,50m de altura e 1,00 m de diâmetro de copa;
  • Fenologia: verão;
  • Cor da flor: azul, rósea;
  • Cor da folhagem: cinza;
  • Origem: Sul dos Estados Unidos, nos Estados de Texas e Novo México e em Chihuahua, México;
  • Clima: temperado/subtropical;
  • Luminosidade: sol pleno.

Comente ou pergunte

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

52 Comments

  1. Boa tarde Raul,
    Como vai?
    Essa planta tolera geadas?
    Tenho uma no jardim a pleno sol e ela perdeu bastante folhas neste inverno, esta á um ano no solo.
    Estou em Curitiba.

    • Bom dia Francine,

      Em principio tolera as geadas leves de Curitiba, se perdeu parte das folhas, irá recupera-las nesta primavera.

      Abraços

  2. Bom dia! Tudo bem? Gostaria de pedir uma ajuda com minha chuva de prata. De uns tempos pra cá o caule começou mudar xe cor e eu achei que era porque o tempo estava chuvoso, mas quando fui verificar bem de perto eu vi que estava com um crosta. Quando raspei percebi que é algum tipo de praga mas não sei identificar. Com essas informações apenas o sr. Saberia me dizer o que está atacando a minha planta e como combater? Muito obrigada pela sua atenção.

    • Bom dia Rubiane,

      Esse sintoma pode indicar a presença de cochonilhas. Para combate-las pincele os galhos com óleo mineral. Também alguns fungos tem essa característica, nesse caso faça três pulverizações, semanais, com Forth Cobre.

      Abraços

  3. Olá, Raul!
    Minha leucofilo estava linda, mas replantei ela de um lugar para outro e todas as folhas estão caindo, há algo que eu posa fazer?

    • Olá Natasha,

      Sim, faça uma poda tirando um terço dos ramos, isto estimulará novas brotações.

      Abraços

  4. Gostaria de receber todo tipo de informação sobre plantas de jardim

    • Stela,

      Diariamente, aqui no Jardim Cor, publicamos uma matéria. Nos visite e comente suas impressões!

      Abraços

  5. Tenho um leucofili que está infestado de cochonilhas brancas, já tentei tudo o que foi dito aqui, fumo, erva de Santa Maria e nada acaba com elas. Detalhe: elas também ficam na mangueira de borracha de aguar as plantas.

    • André,

      Tente combater essas cochonilhas com o inseticida Forth Mata Cochonilha, ele é a base de Deltametrina e é muito indicado para esse fim.

      Abraços

  6. Comprei uma muda de chuva de prata mais ela com umas marchas escuras e caindo as folhas e os galhos ficando secos

    • Ana Maria,

      O Leucophyllum frutescens precisa de sol pleno, talvez, pela sua descrição, ele foi atacado por fungos.

      Faça três pulverizações, semanais, com Forth Cobre e polvilhe no solo, onde está plantado, o equivalente a 5 kg de cinzas de lenha livres de sal e/ou gordura, podem ser de lareira, pizzaria ou padaria. Em seguida afofe superficialmente e regue moderadamente.

      Abraços

  7. Boa noite.

    Tenho um canteiro de leucofilos e foi infestado por colchonilhas brancas farinhentas. Já passei inseticida dimy 3x mas não adiantou. Tive que fazer poda drástica em todas as plantas para eliminá-las. Agora as plantas brotaram novamente, mas de novo as colchonilhas estão infestando o canteiro. O que devo fazer? Moro no Estado de São Paulo.

    • Bom dia Douglas,

      É fundamental que a planta receba sol pleno e tome cuidado ao regar para não molhar as folhas.

      Controle essa praga com uma calda de Santa-Maria

      Macere 200 g de erva-de-santa-maria num litro de água, durante
      2 horas. Depois de espremer o sumo do bagaço, dilua em 3 litros de água e pulverize. repita isto mais duas vezes, semanalmente.

      Também polvilhe no solo, onde está plantado, carvão vegetal bem picadinho, junto com pitadas de cinzas de lenha livres de sal e/ou gordura.

      Abraços

  8. Minha planta chuva de prata, está caindo as folhas e ficando com os galhos secos. O que eu faço?

    • Brenda,

      Isto pode ser ocasionado por um fungo de solo. Talvez Fusarium Esse fungo causa murchidão entrando através da raiz. Proceda da seguinte maneira:

      – Corte os ramos do arbusto atacado, deixando apenas uma altura de 20 centímetros;
      – Diminua drasticamente as regas;
      – Adicione ao solo 300 g de calcário dolomítico misturado com 30 g de sulfato de potássio, revolvendo até uma profundidade de 10 cm;
      – Regue com extrato de casca barbatimão a 5%
      – Pulverize o solo com Ecotrich, um fungicida formulado a base do fungo Trichoderma.

      Abraços

  9. Tenho vários pes de leocophyllum frutescens pois estão com uma praga que não consigo resolver pode me ajudar ,e uma tipo uma mocho branco aí nascem uma taturana branca e as folhas ficam pretas e caim com facilidades .obrigado

    • Luiz,

      Adicione 5g de Dimypel em 1 litro de água e agite bem. Pulverize as folhas de seu leocophyllum homogeneamente até ficarem completamente molhadas. Para obter melhores resultados, repita isto mais duas vezes a cada 15 dias.

      Abraços

  10. Parabéns. Completa sua informação.vou segui -lo. Tem OUTROS canais? Abraco

    • Obrigado Marcia! Estou no Instagram e no Facebook, como Raul Cânovas.

      Abraços

  11. Olá, Raul! Eu gostaria de perguntar qual o espaçamento que você recomenda para o plantio do leucofilo? Seja para serem plantados como cerca-viva ou maciços.

    • Olá Gustavo,

      O ideal é planta-los a cada metro, tanto em sebes como em grupos, neste último caso devem ser estabelecidas em triângulo, sempre a ada metro entre elas.

      Abraços

      • Obrigado pelas dicas, Raul!

        • Você merece, Gustavo!

          Abraços

  12. Boa noite Raul. Estou com muitas cochonilhas de raiz em minhas plantas, principalmente nas rosas do deserto. Você poderia me ajudar. Desde já agradeço . Moro em Jaru/Rondônia.

    • Bom dia Marlete,

      Para combater a cochonilha da raiz, proceda da seguinte maneira:

      – Tire as plantas dos vasos;
      – Lave as raízes com água, até deixa-las livres de qualquer sedimento;
      – Descarte a terra onde estavam plantadas;
      – Higienize com água sanitária esses vasos;
      – Pulverize as raízes com o inseticida Forth Defende, ensopando-as totalmente;
      – Replante as mudas usando um bom substrato.

      Abraços

  13. Gosto muito de plantas com folhas prateadas. Gostaria de replantar uma muda num vaso maior. Ele resiste bem à mudanças? Creio que todo paisagista é também poeta. Sucesso!

    • Maria Aparecida,

      Sim, acho que guardamos um lado poético na nossa profissão, obrigado pelos desejos de sucesso!

      Sim, ela suporta bem o transplante, desde que conservado o torrão de terra onde estão as raízes. Faça isto durante a Lua crescente, é um período melhor.

      Abraços

  14. Sou apaixonada por essa planta! Gostaria de fazer uma cerca viva, mas ouvi falar que o crescimento é demasiadamente lento. É verdade? Obrigada!

    • Dalila,

      O crescimento do Leucophyllum frutescens é rápido desde que receba sol e seja plantado em solos bem drenados, talvez arenosos e com pH entre 6,6 e 7,0.

      É aconselhável adicionar 200 gramas de calcário dolomítico por m², onde será plantado.

      Abraços

  15. Boa tarde !!!
    Sou arquiteta e tive uma empresa de concreto estampado grande parte do tempo trabalhado. Fiz curso de paisagismo , pois é isso que realmente me fascina. Preciso trabalhar, vc pode me dar trabalho ?

    • Bom dia Sonia,

      Meu escritório está completo, por isso não tenho vagas no momento. Lhe desejo bons horizontes nessa procura.

      Abraços

  16. Olá Raul!
    Tenho uma chuva de prata pequena na minha varanda e de uns meses pra cá apareceram umas manjas pretas nas foljas e caule nas pontas da planta. Sabe me orientar em como cuidar disso?

    • Olá Fabio,

      Essas manchas pretas podem ser uma manifestação de fungos. Faça pulverizações mensais, com Forth Cobre nos finais de tarde.

      Abraços

  17. Olá
    Eu vi esse arbusto numa viagem que fiz e peguei apenas galhos bem pequenos da planta. Gostaria de plantar , mas não sei como fazer muda. Qual a forma que devo proceder

    • Olá Sthefanny,

      Para fazer mudas do Leucophyllum frutescens deve cortar estacas de ponteiro, que são obtidas da porção terminal dos ramos, com mais ou menos 12 centímetros de comprimento.

      Depois são enterradas deixando 2/3 para fora, em um substrato arenoso e em local sombreado, até enraizar.

      Abraços

      • VC tem vídeo ensinando a fazer a muda?

        • Não tenho, Silvia…lamento.

          Abraços

  18. Tenho uma em casa mas ela não é tão cheia quando as da foto, tem poucos galhos muito espaçados. Apesar disso floresce muito. Como faço pra encher mais a planta?

    • Naira,

      Faça uma poda, cortando aproximadamente 10 centímetros de cada ramo e adube-a com o fertilizante Forth Jardim.

      Ela irá ficar mais compacta.

      Abraços

  19. Olá! Tenho algumas delas em casa, uma em especial apresenta um tipo de pó branco nas folha com tipo um óleo em seguida ficando com um aspecto escuro e murcha. O que devo fazer?

    • Olá Higo,

      Este sintoma indica oídio. Com temperaturas suaves e umidade alta, esse fungo aparece em ambas as faces da folha, revestindo-a com uma poeira cinzenta. Ataca principalmente as brotações que recebem menos sol e quando há deficiência de zinco. Neste caso deve-se aplicar 50 g de óxido de zinco por m². Pulverize, também, três vezes, semanalmente, com uma solução feita com 10% de leite azedo e 90% de água pura.

      Abraços

  20. As minhas estavam lindas mas do dia para noite as folhas secaram e começaram a cair. O que aconteceu? Fiz uma poda radical mas não sei como proceder.

    • Adriane,

      Acho que se trata de podridão radicular, uma doença fúngica que ocasiona esse sintoma. Os fungos surgem em solos muito argilosos e portanto compactos, mal drenados.

      Proceda da seguinte maneira:

      – Melhore a drenagem do solo adicionando areia e carvão bem picadinho;
      – Diminua drasticamente as regas;
      – Adicione ao solo 300 g de calcário dolomítico misturado
      com 30 g de sulfato de potássio, revolvendo até uma profundidade de 10 cm;
      – Regue com extrato de casca barbatimão a 5%
      – Pulverize a planta com Ecotrich, um fungicida formulado a base do fungo Trichoderma.

      Acredito que isto devolverá uma boa silhueta a seu Leucophyllum frutescens.

      Abraços

  21. Como são as raízes?

    • Jule,

      As raízes são fibrosas e fasciculadas. Não são invasivas.

      Abraços

  22. Gostaria de saber se voce vende mudas de:
    Folha-de-prata, sálvia-do-texas, chuva-de-prata
    Se vende, qual o valor por mudas e qual o minimo de midas?
    Velor do frete para o CEP 36301 026
    Obrigada!

    • Olá Maria Monica,

      O Jardim Cor não comercializa plantas.

      Abraços

  23. Necessito fazer uma sebe, ou uma formação alongada de uns 15 metros numa altura de uns 0,80 a 100 centímetros, aproximadamente,com uma largura de 1 metro .Mas, esta sebe, será encostada ao muro da minha casa e encontrei esta planta interessante, face florir em tons de azul violeta, o que fará um ótimo contraste com as ixóras amarelas e salmão que tenho.Estes arbustos florescem o ano todo ou tem estação específica para florir.?.Grato.

    • Olá Marco Aurélio,

      No texto acima apontei a fenologia dela, dizendo que era no verão. Entretanto é um arbusto lindo independente da florada.

      Além dela pode plantar:

      – Allamanda polyantha – alamanda-erecta;
      – Ervatamia coronaria – jasmim-café;
      – Breynia nivosa – mil-cores;
      – Tibouchina moricandiana – quaresmeira-arbustiva (FOTO).

      Abraços

  24. Olá como faço para adquiri uma muda ou semente tem algum sit que vende?

Secured By miniOrange