Sobre o Blog e Contato

Paisagismo e Jardinagem

Moringa oleifera

acácia-branca, árvore-rabanete-de-cavalo, cedro, moringueiro, quiabo-de-quina, árvore-da-benção, árvore-dos-milagres

Foto de Crops for the Future, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons

Surge principalmente em áreas semiáridas tropicais e subtropicais, com uma copa pouco densa e em solos arenosos e secos, tolerando bem os pobres, como em áreas costeiras. Além disso, a Moringa tem a capacidade de melhorar a fertilidade do solo devido à sua capacidade de fixação de nitrogênio. Quando cultivada em larga escala, o tronco recebe podas regulares de forma que sua altura não ultrapasse cerca de um metro e meio, possibilitando, de forma fácil, a colheita das folhas, ricas em proteínas, vitaminas e minerais, com quatro vezes mais betacaroteno que a cenoura, sete vezes mais vitamina C que a laranja e baixas calorias, possuindo um sabor levemente picante, parecido com o do rabanete e do agrião, sendo consideradas um superalimento, por terem cálcio, ferro, fósforo, potássio, magnésio, zinco e cobre. As folhas, flores, frutos, sementes e raízes podem ser usados na culinária de maneiras diversas, cruas ou cozidas, em sucos, vitaminas, iogurtes, saladas, em sopas, bolinhos, etc. As sementes de Moringa têm a capacidade de purificar a água devido às suas propriedades coagulantes, o que as torna úteis em regiões onde o acesso à água potável é limitado. Suas flores em espigas atraem borboletas e abelhas, contribuindo para a biodiversidade do ambiente.

Foto de Challiyan at Malayalam Wikipedia, CC BY 3.0, via Wikimedia Commons

Seu crescimento é muito rápido, alcançando um porte arbóreo já nos primeiros meses após a semeadura. A produção de sementes se inicia já no primeiro ano. No Brasil é bastante popular no Maranhão, sendo desde 1950 e usada como planta ornamental.

Foto de 阿橋 HQ, CC BY-SA 2.0, via Wikimedia Commons

No paisagismo pode ser cultivada em vasos e jardineiras, ideal para varandas, terraços e pequenos espaços, sendo resistente à maioria das pragas e doenças, exigindo poucos cuidados com pesticidas.

Suas mudas são obtidas através de semeadura ou estaquia de ramos com mais de 20 cm.

  • Sinônimos estrangeiros: horseradish tree, drumstick tree, miracle tree,  (em inglês); palo de tambor, moringa, (em espanhol); nénier, arbre de vie, ben, (em francês); meerrettichbaum, wunderbaum, prunkferne, (em alemão); tamburo di legno, albero della vita, (em italiano); wasabino-ki, jinmei no ki, (em japonês); hóu miān bāo shù, (em chinês); moxingo, (na Índia); shajarat al-moringa, (em árabe).
  • Família: Moringaceae.
  • Características: árvore decídua de pequeno porte.
  • Porte: 4 a 7 metros de altura.
  • Fenologia: o ano inteiro.
  • Cor da flor: branca perfumada.
  • Cor da folhagem: verde-acinzentada.
  • Origem: Índia.
  • Clima: subtropical/ tropical (tolera seca).
  • Luminosidade: sol pleno.

Comente ou pergunte

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Secured By miniOrange