Sobre o Blog e Contato

Paisagismo e Jardinagem

Ophiopogon japonicus

Grama-preta, grama-japonesa, grama-pelo-de-urso

Foto de Forest & Kim Starr, CC BY 3.0, via Wikimedia Commons

Apesar do nome, grama-preta, ela não é uma gramínea, mas uma planta da família das asparagáceas, grupo que também conta com as agaves, phormiuns, sansevierias, e yuccas. A grama-preta não suporta o pisoteio contínuo, mas apenas ocasionalmente. As folhas são finas, arqueadas e verde escuras, formando tufos extremamente compactos, transformando a planta em uma ótima opção para ser utilizada como forração baixa sob a copa das árvores, em orlas ou como bordadura complementando outras forrações. Embora seja usada geralmente em locais sombreados, cresce bem nos locais ensolarados. Não precisa de manutenção, como podas, adubações o combate a pragas ou doenças, por este motivo podemos considerá-la rústica. Combina bem com vários estilos paisagísticos, especialmente em jardins orientais.

Foto de Juanita Vilas Marchant, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons

Há uma variedade com as folhas listradas de branco, um pouco mais alta, o Ophiopogon jaburan “Aureo-variegata” e também o Ophiopogon japonicus “Nana” com altura menor, por volta de 2 a 3 centímetros, ideal para ser plantado em caminhos, nas rejuntas, que aparecem eventualmente, entre as pedras. Um outro do mesmo gênero é o Ophiopogon planiscapus “Nigrescens”, com folhas roxo escuras, quase pretas.

O Ophiopogon é empregado na medicina chinesa, nos tratamentos cardiovasculares e também é eficaz no tratamento do diabetes tipo 2.

O nome genérico Ophiopogon deriva do grego ophis, “cobra”, e pogon, “barba”, referindo-se às suas folhas e “japonicus” é o epíteto geográfico que se refere à sua localização no Japão.

É reproduzida por divisão das touceiras e deve-se calcular, quando plantada em mudas, uma distancia de 5 a 10 centímetros entre elas, para conseguir um adensamento rápido.

Foto de KENPEI, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons

  • Sinônimos estrangeiros: mondo grass, lilyturf, dwarf lilyturf, japanese snake’s beard, monkey grass,  (em inglês); convalaria, convolaria, lirio enano, (em espanhol); japanischer schlangenbart, (em alemão); muguet du Japon, ( em francês); janohige, ryunohige, tamaryu, (em japonês); mai men dong, mai dong, (em chinês); jobnipmaekmundon gajaebi, (em coreano); ofiopogon japonskij, (em russo).
  • Família: Asparagaceae.
  • Características: herbácea perene de folhagem ornamental;
  • Porte: 20 a 25 centímetros de altura;
  • Fenologia: verão, mas raramente floresce no Brasil.
  • Cor da flor: branco a lilás claro.
  • Cor da folhagem: verde escura.
  • Origem: Japão, China, Vietnã, Índia, Taiwan, Filipinas e Coreia.
  • Clima: temperado/subtropical.
  • Luminosidade: sol pleno, meia sombra, sombra.

Comente ou pergunte

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aviso! Está a tentar enviar uma imagem inválida. A imagem não vai aparecer com o seu comentário.

Secured By miniOrange