Sobre o Blog e Contato

Paisagismo e Jardinagem

Nandina domestica

nandina, avenca-japonesa, bambú-do-céu, bambú-celeste

Não Japão é planta da sorte, augurando sempre um novo ano abençoado. Lá, como no resto do Oriente, é presença constante nos jardins tradicionais. Entretanto foi amplamente difundida em todo o mundo, começando por Londres, quando o jardineiro escocês William Kerr enviou esta espécie, nos primeiros anos do século XIX, desde Cantão, na China, junto com outras 237 até esse momento desconhecidas em Ocidente. Ele estava lá, ao mando de Sir Joseph Banks, botânico chefe do Kew Gardens, como coletor de plantas.

É um arbusto belíssimo, graças ao colorido de suas folhas e o formato que, apesar de não ter qualquer parentesco, lembra o bambu. Mas não é só esse seu atrativo, primeiro as flores – melíferas – e depois os frutinhos vermelhos em cachos eretos, fazem deste arbusto um elemento sempre chamativo em qualquer jardim, servindo para vasos, jardineiras ou maciços.

Existem mais de 65 cultivares nomeados no Japão, onde uma sociedade dedicada a esta espécie cuida de sua taxonomia.

  • Sinônimos estrangeiros: nandina, heavenly bamboo, sacred bamboo, (em inglês); nán tiãn zhú, nan chu,(em chinês); nanten, (em japonês); nam thiên trúc, (em vietnamita); himmelsbambus, (em alemão); bambou sacré (em francês); nandina, bambú sagrado, (em espanhol).
  • Família: Berberidaceae.
  • Características: Arbusto.
  • Porte: 1,60 a 2,30 m.
  • Fenologia: Primavera/verão.
  • Cor da flor: branca, seguida pelos frutos purpúreos.
  • Cor da folhagem: verde azulado ou verde claro (dependendo da época), matizada de tons róseos ou avermelhados, no inverno a folhagem é tomada por tons avermelhados.
  • Origem: Do Himalaia, no Leste da Ásia, até a China e o Japão.
  • Clima: Temperado, subtropical.
  • Luminosidade: sol pleno, meia sombra.

Comente ou pergunte

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aviso! Está a tentar enviar uma imagem inválida. A imagem não vai aparecer com o seu comentário.

2 Comments

  1. POR FAVOR, ESTOU ME MATANDO PARA DESCOBRIR QUE PLANTINHA É ESTA, MORO NO BRASIL, ESTAMOS NO FIM DE INVERNO, ANDADO EM MEU TERRENO DEPAREI COM ESTÁ , COM ESTAS FRUTINHAS, SERIA COMESTÍVEIS OU REPRESENTA PERIGO?ACHEI MUITO PARECIDA COM ESTAS ACIMAS, SERÁ, PODEM ME AJUDAR.desde já obrigado.

    • Olá Elieth,

      Precisaria de mais dados sobre o formato e porte da planta. Talvez um Sorbus, gênero botânico pertencente à família Rosaceae.

      Abraços